Rir ou Chorar

Reflexões sobre o BBB7

Pode não parecer às vezes, mas eu sou uma pessoa que pensa bastante. No sentido quantitativo e algumas vezes no qualitativo ;-). Ontem eu estava assistindo ao [BP]Big Brother[/BP] (sim, eu confesso) e em alguns quadros eu fiquei refletindo sobre um assunto que vez ou outra comento.

Para quem não acompanha (parabéns) o [BP]programa[/BP], essa semana entrou um novo participante, que saiu do Big Brother Argentina e obviamente é um fdp argentino. Meio de bobeira e numa situação onde reina a disputa acirrada, o argentino até que se enturmou, o pessoal está curtindo bastante da cara do indivíduo e aproveitando a [BP]brincadeira[/BP] para dar vazão à rivalidade já conhecida.

O que me intrigou e me levou a refletir foi que os participantes brasileiros, tentam se comunicar com o rapaz embolando a língua, falando um portunhol horrível, enquanto o moço fala o seu velho e conhecido [BP]idioma[/BP] natal – e quase todas as vezes todo mundo entende, afinal não é tão diferente do português.

A questão é: por que os brasileiros é que sempre buscam falar o idioma alheio para se comunicar quando na presença de um estrangeiro? Mesmo estando no Brasil isso acontece. Uma coisa é você nos EUA ter a obrigação de saber o mínimo de inglês para se comunicar com os estadunidenses. Agora, em plena Bahia, você dar de cara com um americano que não sabe UMA PALAVRA de português e querer “se virar” …

[BL]Curso de Idiomas,Argentino,Inglês,BBB7,Big Brother,Playboy[/BL]

1 Comment

  1. Apoiado! Não por assistir esse programinha, pelo amor de Deus! Hehehe…

    Mas você disse algo realmente interessante e que eu já havia notado (inclusive comigo mesmo). O brasileiro tem essa mania de achar que é inferior. É lamentável. Mas eu estou me policiando. Tanto é, que esses dias em um jogo online, eu iniciei uma discussão com um cara. Em um determinado momento eu disse (usando meu tenebroso inglês) – “Posso continuar esta discussão com você, sim. Mas somente se for em português” – o que não foi possível porque a discussão acabou ali 🙂

    []’s

Leave a Reply

Theme by Anders Norén