Era tudo o que a imprensa nacional e internacional queriam para esculhambarem de vez os nossos políticos. Kassab decretou luto oficial em SP e Lula decretou luto de 3 dias no país, em “respeito” e sinal de consternação pela dor dos familiares das vítimas.

Meus queridos, o povo quer é trabalho! As pessoas querem investigação, atitude por parte dos senhores para que coisas como essa não aconteçam mais. Queremos que essas famílias sejam ressarcidas, apoiadas em sua dor, acompanhadas, sim. Mas isso não é hora de dar folga pra ninguém (luto oficial é sinal de ponto facultativo?) nem ficar de luto.

Esse trágico acidente, sem esperança de sobreviventes entre os passageiros e tripulantes, vai ficar mais uma vez marcado na história de nossa aviação. Justo o país que deu ao mundo o inventor do avião. Justo o aeroporto com maior índice de acidentes em nossa história. Congonhas é uma bomba bem no meio da cidade de São Paulo, que vive explodindo. Quantos mais precisarão morrer?

Infelizmente, nessa hora ainda ardem as chamas no prédio da TAM Express. Mais de 200 bombeiros tentam aplacar o incêndio e buscam por vítimas e corpos. Mais de 20 já foram encontradas, entre elas 12 corpos carbonizados. As perdas são irreparáveis. Inconsoláveis.

Esse humilde blog só pode, no máximo, desejar que a dor desses familiares seja branda, que não seja em vão e que essas pessoas que perderam suas vidas estejam em paz, onde quer que seja.